O governo brasileiro anunciou que o Bolsa Família será substituído pelo Auxílio Brasil, que foi lançado em novembro de 2021.

Sabe-se que ele visa as famílias socialmente vulneráveis e que o Ministério da Cidadania é responsável pela verificação daqueles que ingressam na folha de pagamento do governo.

Deve-se observar que a cada ano, o Ministério realiza novos estudos a fim de observar quem perdeu a elegibilidade para receber benefícios e a principal razão para perder a elegibilidade é quando informações conflitantes são encontradas no sistema.

Requisitos de elegibilidade do Brasil para ajuda externa

Para ser elegível ao Sistema de Previdência Social do Brasil (Auxílio Brasil), você deve ter um perfil ativo e atualizado no Registro Unificado. É importante que a renda per capita da família se enquadre na faixa de pobreza.

Baixe nosso aplicativo. Clique na imagem abaixo ⤵

A pobreza extrema corresponde a uma renda familiar mensal inferior a $105. Os membros deste grupo têm o direito de não serem discriminados.

Se você tem renda per capita entre $105 e $210, é considerado pobre. Se você for cidadão, pode ter direito a um benefício se viver com uma mulher grávida ou alguém com menos de 21 anos.

Além disso, estas condições devem ser satisfeitas:

Para beneficiários de 4 e 5 anos de idade, a taxa mínima de freqüência escolar é de 65%; para beneficiários de 6 a 15 anos de idade, a freqüência escolar mínima é de 75%, e para beneficiários de 16 a 21 anos de idade, a exigência mínima de freqüência escolar é de 75%.

Como você sabe, por norma legal, o registro deve ser renovado a cada 24 meses; entretanto, se você quiser renová-lo antes disso, o melhor a fazer é renová-lo pelo menos uma vez por mês.

Se você tiver alguma mudança em seus dados ou na composição de sua família, não demore a fazer a atualização. É exatamente este tipo de incoerência que pode causar o bloqueio do subsídio do Brasil.

De que tipos de mudanças estamos falando? Aqui estão alguns exemplos: Mudança de endereço, mudança na renda de sua família, partida de um membro para outra casa, transferências de escolas, mudanças na composição de sua família (morte, nascimentos, etc.)

Revisões mensais com cortes e acréscimos

O governo brasileiro enfatiza a importância dessas visitas mensais, tanto para evitar o pagamento de benefícios às pessoas que não atendem mais aos requisitos do Programa de Ajuda ao Brasil, quanto para permitir a entrada no programa de novos beneficiários, se houver dinheiro suficiente disponível.

Depois de ter meu Auxilio Brasil bloqueado, o que devo fazer a seguir?

Se você quiser saber o verdadeiro motivo pelo qual seus benefícios foram bloqueados, verifique os Centros Regionais de Assistência Social (CRAS) mais próximos ou entre em contato com o Auxílio Brasileiro.

Você deve trazer seu CPF, certificado de residência e documentos de cada membro da família, bem como a prova de que seus filhos ou adolescentes estão matriculados na escola.

Depois disso, você terá que esperar que o Ministério da Cidadania reveja sua solicitação e mantenha o controle de suas informações na solicitação do Auxílio Brasil.