Pular para o conteúdo

ATENÇÃO! Confira os requisitos para receber o novo valor do BOLSA FAMÍLIA

    Segundo o ministro do Desenvolvimento Social, Wellington Dias (PT), o programa Bolsa Família entrará em uma nova fase a partir de junho, trazendo um aumento significativo nos valores repassados aos beneficiários. O objetivo é garantir uma renda maior para famílias maiores, sem prejudicar as demais famílias.

    Sendo assim, a partir de junho, o repasse do Bolsa Família será determinado com base no número de pessoas que compõem a família beneficiária. O valor final do benefício será calculado somando-se R$ 142 por pessoa. Entretanto, é importante ressaltar que famílias com até quatro membros não receberão menos de R$ 600. Essa garantia de um valor mínimo busca assegurar uma assistência adequada a essas famílias.

    Com isso, o valor aumentará junto com o número de beneficiários. Por exemplo, uma família com cinco pessoas passará a receber R$ 710, sem qualquer adicional. O valor é equivalente à soma de R$ 150 de cada um dos membros da família. Vale reforçar, ainda, que os R$ 142 serão pagos para todos os membros, independente da idade dos beneficiários. Ou seja, mesmo bebês recém-nascidos entraram na conta.

    Requisitos e regras condicionais do Bolsa Família

    O Bolsa Família é um dos programas sociais mais importantes do Brasil e oferece um auxílio financeiro fundamental para famílias em situação de vulnerabilidade. No entanto, para receber esse benefício, é necessário atender a critérios específicos e cumprir regras condicionais estabelecidas pelo programa.

    CadÚnico é submetido a fiscalização que assusta beneficiários do Bolsa Família

    O primeiro critério para se tornar elegível ao Bolsa Família é ter uma renda per capita igual ou menor a R$ 218 por mês. A renda per capita é calculada dividindo-se a renda total da família pelo número de membros que a compõem. Portanto, para que uma família seja considerada apta a receber o benefício, a soma da renda de todos os membros dividida pelo número de pessoas deve ser igual ou inferior a R$ 218.

    Além disso, é necessário que o responsável familiar esteja inscrito no Cadastro Único (CadÚnico). Esse cadastro é uma base de dados que reúne informações socioeconômicas das famílias brasileiras em situação de vulnerabilidade. É fundamental que os dados cadastrais estejam atualizados, com informações corretas sobre a composição familiar, renda e outros aspectos relevantes.

    Além desses requisitos, os segurados precisam cumprir as regras condicionais do Bolsa Família. O não cumprimento das regras condicionais pode acarretar na suspensão ou até mesmo no cancelamento do benefício do Bolsa Família. Por isso, é fundamental que as famílias beneficiárias estejam atentas e cumprindo as exigências estabelecidas, garantindo a continuidade do acesso ao auxílio financeiro. Veja quais são as regras a seguir:

    • O responsável deve manter as crianças de 4 a 5 anos com frequência escolar mínima de 60%;
    • O responsável deve manter as crianças e adolescentes de 6 a 18 anos com frequência escolar mínima de 75%;
    • Acompanhamento nutricional (peso e altura) das crianças de até seis anos;
    • O responsável deve manter a carteira de vacinação da família inteira atualizada;
    • Gestantes devem fazer o acompanhamento pré-natal.

    Calendário do Bolsa Família de junho

    A Caixa Econômica Federal começará a depositar o dinheiro na conta digital do Caixa Tem a partir dos últimos dez dias úteis do mês. O calendário é escalonado de acordo com o último dígito do Número de Identificação Social (NIS) do beneficiário. Por isso, o repasse começa no dia 19 e só termina no dia 30 de junho. Confira o calendário completo do mês de junho abaixo:

    • NIS de final 1: dia 19 de junho (antecipado para o sábado, 17);
    • NIS de final 2: dia 20 de junho;
    • NIS de final 3: dia 21 de junho;
    • NIS de final 4: dia 22 de junho;
    • NIS de final 5: dia 23 de junho;
    • NIS de final 6: dia 26 de junho (antecipado para o sábado, 24);
    • NIS de final 7: dia 27 de junho;
    • NIS de final 8: dia 28 de junho;
    • NIS de final 9: dia 29 de junho;
    • NIS de final 0: dia 30 de junho.

    Fonte: Karoline Simões/ canalconsultapublica.com