Segurados do auxílio emergencial tem convocação de saque retomada. Nesta quinta-feira (09), Caixa Econômica Federal estará liberando a quinta parcela do programa para os aniversariantes de maio. O valor ficará disponível para retiradas e transferências, sendo necessário cumprir as etapas abaixo.

O pagamento do auxílio emergencial segue movimentando as agências da Caixa. Após o feriado de 7 de setembro, o governo voltou a autorizar o saque da quinta parcela. A permissão é destinada especificamente para os nascidos em maio que se enquadrarem enquanto público geral.

Quinta parcela do auxílio emergencial 2021: calendário de saque para público geral

  • Nascidos em janeiro – 1º de setembro
  • Nascidos em fevereiro – 2 de setembro
  • Nascidos em março – 3 de setembro
  • Nascidos em abril – 6 de setembro
  • Nascidos em maio – 9 de setembro
  • Nascidos em junho – 10 de setembro
  • Nascidos em julho – 13 de setembro
  • Nascidos em agosto – 14 de setembro
  • Nascidos em setembro – 15 de setembro
  • Nascidos em outubro – 16 de setembro
  • Nascidos em novembro – 17 de setembro
  • Nascidos em dezembro – 20 de setembro

Como fazer o saque do auxílio?

Baixe nosso aplicativo. Clique na imagem abaixo ⤵

 

Para ter acesso a quantia o cidadão deve ir até uma agencia da caixa. No caixa eletrônico, ele precisa selecionar a função de saque e digitar o código gerado no Caixa Tem. Para isso, é preciso abrir o aplicativo e clicar na função “saque do auxílio emergencial”.

Feito isso, será exibido uma sequência de dígitos que devem ser informados no caixa eletrônico. Na sequência, basta pôr o valor que deseja retirar e confirmar a transação. Aguarde até que a quantia saia na boca do caixa e seja gerado o comprovante.

Quem não quiser passar por esse procedimento, pode ainda sacar o benefício nos guichês de atendimento da Caixa ou das Casas Lotéricas. Nesse caso, basta exibir um documento oficial com foto que comprove a titularidade do abono.

Por fim, é importante ressaltar que a quantia fica ainda disponível para transferências través de TED e também por meio do PIX. Em ambos os casos não são cobrados pelo serviço realizado diretamente no Caixa Tem.

Fonte: fdr.com.br