Mais de 450 mil pais solteiros chefes de família monoparental ainda receberão a parcela retroativa do Auxílio Emergencial este ano. Os primeiros repasses ocorreram em janeiro e contemplaram mais de 820 mil pessoas.

Os pagamentos se referem ao complemento das parcelas simples no valor de R$ 600 recebidas pelos pais solteiros entre abril e agosto de 2020. Acontece que eles deveriam receber as cotas dobradas no valor de R$ 1.200.

No entanto, apenas as mães solteiras na mesma situação foram atendidas com o benefício maior. Assim, o Congresso Nacional aprovou no ano passado os repasses retroativos de até R$ 3 mil destinados aos pais solteiros.

Quais homens estão recebendo os pagamentos retroativos?

Baixe nosso aplicativo. Clique na imagem abaixo ⤵

Tem direito aos valores do programa os homens que atendem os seguintes requisitos:

  • Estar cadastrado como “Responsável Familiar”;
  • Ter recebido cota simples do auxílio emergencial em algum momento entre abril e agosto de 2020;
  • Ter na família pessoas menores de 18 anos de idade;
  • Ser homem chefe de família monoparental;
  • Não possuir cônjuge ou companheira;
  • Ter efetuado o cadastro do auxílio emergencial através das plataformas digitais até o dia 2 de julho de 2020, o prazo final para ter feito a inscrição no programa; ou
  • Ter recebido o benefício mediante inscrição no Cadastro Único (CadÚnico).

Qual o valor do auxílio emergencial retroativo?

O valor do auxílio emergencial retroativo vai depender da quantidade de parcelas recebidas pelos pais solo entre os meses de abril e agosto de 2020. As quantias ficaram definidas da seguinte forma:

  • 5 meses de benefício: valor de R$ 3 mil;
  • 4 meses de benefício: valor de R$ 2,4 mil
  • 3 meses de benefício: valor de R$ 1,8 mil
  • 2 meses de benefício: valor de R$ 1,2 mil;
  • 1 mês de benefício: valor de R$ 600.

Como consultar o auxílio retroativo?

A consulta deve ser realizada pelo site da Dataprev, com o login do Gov.br.

  1. Preencha o campo com o seu Cadastro de Pessoa Física (CPF);
  2. Com o seu nome completo; e
  3. Com o nome da sua mãe completo (ou selecione a opção “mãe desconhecida);
  4. Coloque sua data de nascimento no campo solicitado;
  5. Selecione o reCAPTCHA para provar que é humano;
  6. Clique em “ENVIAR”.

Fonte: noticiasconcursos.com.br