Com tantas incertezas diante do cenário econômico do país, os beneficiários do Auxílio Brasil estão ansiosos pelo repasse da terceira parcela do programa social. Ainda mais, muitos ainda duvidam da continuidade da aplicação do valor mínimo de R$ 400, que teve início no mês de dezembro de 2021.

Então, convido você a seguir a leitura deste artigo, para saber quais são os fundamentos que irão garantir os créditos turbinados do Auxílio Brasil ao longo de 2022.

Repasses do Auxílio Brasil em janeiro

Voltando ao mês de dezembro, vale lembrar que o governo editou uma medida que instituiu a criação do Benefício Extraordinário, através da qual foi possível aplicar o complemento no Auxílio Brasil, de forma a garantir o crédito mínimo de R$ 400 para todos os que estão enquadrados no programa.

Baixe nosso aplicativo. Clique na imagem abaixo ⤵

Agora, o presidente Jair Bolsonaro, editou um Decreto que prorroga a concessão do Benefício Extraordinário destinado às famílias beneficiárias do Auxílio Brasil durante os meses de janeiro a dezembro de 2022.

Sendo assim, o valor mínimo de R$ 400 tem o repasse garantido pelo menos até dezembro deste ano.

E depois, como ficam os pagamentos?

Ainda não podemos afirmar qual será o prosseguimento do Auxílio Brasil após dezembro de 2022. É preciso acompanhar as atualizações do programa para saber sobre a sequência de pagamentos a partir de 2023.